(77) 99805 4104 [email protected]

Quem precisa trafegar entre as Vilas II e III do Assentamento Rio de Ondas, enfrenta dificuldades. A água acumulada da chuva se transforma em verdadeiras armadilhas para os motoristas, que correm o risco de atolar. De acordo com os moradores, todos os dias é preciso rebocar veículos de pequeno, médio e grande porte que ficam presos na lama.

A situação pode ficar ainda pior, porque de acordo com as previsões do Instituto Climatempo, pelos menos até o dia 19 de março vai continuar chovendo em Luís Eduardo Magalhães.